sexta-feira, 16 de novembro de 2007


resto de vinho, na taça
olhar quente disfarça
água que não cessa
mar alto deságua
chuva
deserta
amor,
amor,
desperta.

7 comentários:

Aline Miranda disse...

eu juro, juro que o formato saiu sem querer!

a foto não ia e para não ficar vazio resolvi centralizar o texto, e como magia vi uma taça no contorno das letras.
não sei se realmente vi ou foram os goles tintos que bebi.

"soluções da natureza, riquezas da criação"

nica disse...

o formato valeu por qualquer foto que você poderia postar!

;*

Luiza Sarmento disse...

Muito bom, heim!
Troca de figurinhas. Gostei do seu tb!
Parabéns!
Bj

jonas disse...

Bjoooossss...saudades.
depois quero que vc me dê umas ajudinhas aqui no meu pq não entendo muito disso não...hehehe

sylvinha disse...

Vc fez uma taça!!!
Vim comentar sobre a taça e vi seu post acima.. ahahahhahaha
Adorei!

Smaak!

Giselle disse...

juro q achei q fosse de propósito...vim aqui elogiar as palavras e suas formas...agora aproveito pra elogiar o "acaso" tb...rsrs!

beijos, querida!

Ju Bessa disse...

Não era pra falar, Aline!!!
De qualquer forma, ficou genial!

Arquivo do blog