sábado, 14 de março de 2009

Aninhar


Aninha em meu peito
essa dor, calor crescente.
Adormece em meu abraço
cada fuga dos teus olhos.
Acarinha com seus dedos
lábios meus já tão carentes.
e Anoitece em câmera lenta
junto à mim e ao amanhecer.

7 comentários:

Lilows disse...

Nossa...que lindo! ;]
adorei.

Beijos

Tiffany disse...

sublime.

Ju Bessa disse...

Adorei , Aline!!! Muito, muito,mmmmmuito bom mesmo!

Giselle Veiga disse...

gracinha!

=)

Rafael Rodriguez disse...

adorei esse novo verbo.

bjs.

floratomo disse...

trocadilhoo?

Aline Miranda disse...

e pq não trocadilhar?

Arquivo do blog